quarta-feira, 14 de novembro de 2007

Passo das Cores

Canso do mundo que vivo, das cores que não conheço; que não enxergo. Cansei de ver o vermelho dos amores, o rosa das paixões. Cansei também do verde da esperança, dos amores perdidos e do azul das ondas de alegria. Cansei do amarelo do outro que enche meus cofres, do amarelo que dança com o azul, do vermelho que dança com o rosa em tons unissonos. Cantam aos amores, a dor do passo das cores

1 Comment:

suelen said...

eu sempre leio seus textos e, percebi, q vc sempre fala sobre cores... mas sempre de uma maneira diferente... bem criativo